As atividades realizadas no período de 20 a 25 de fevereiro pelos 20 participantes durante a capacitação totalizaram R$ 58 mil em vendas e despertaram o interesse dos empreendedores palmenses e de outros municípios próximos. O Empretec, desenvolvido pelo SEBRAE com metodologia da Organização das Nações Unidas tem como objetivos desenvolver as características empreendedoras e identificar de novas oportunidades de negócios entre os seus participantes.

Segundo a agente de desenvolvimento do Ponto de Atendimento ao Empreendedor (PA) – parceria entre o Sebrae/PR, a Associação Comercial e Empresarial de Palmas (Acipa) e a Prefeitura de Palmas, a lista de interessados já soma 50 pessoas de Palmas, Clevelândia, Mangueirinha e Pato Branco.  Na avaliação de Andreia Seben os participantes tiveram iniciativas surpreendentes em diversas áreas, como comércio, alimentação, cultura, inovação e tecnologia. Algumas das ações continuam acontecendo, mesmo após o fim do seminário. “Um dos reflexos foi a retomada do núcleo dos 155 empretecos locais, que terá a terceira reunião no dia 16 de março. comenta.

A consultora do Sebrae/PR, Dianalu de Almeida Caldato, conta que o impacto positivo provocado pelos empretecos deverá resultar em mais uma edição do seminário no município de Palmas, no segundo semestre deste ano. “Realizamos o Empretec no começo do ano, no período de férias, e a procura foi grande. A intenção é fazer novamente no período de férias, para facilitar a participação dos empreendedores interessados”, observa Dianalu.

O proprietário da uma empresa de eventos em Palmas,  João Eduardo D. M. Varela, relatou que não imaginava que fosse uma experiência tão intensa. “Pude ver o quanto é possível evoluir em tão pouco tempo e vislumbrar as oportunidades que posso alcançar”, relata o empresário. Varela acrescentou que está pensado em melhorar seus produtos e serviços, reorganização sua estrutura e em ampliar sua atuação para toda a região Sudoeste.

Proprietária de uma agência de turismo e de escola de Inglês em Palmas,Fabíola Lazzaretti Delavy reconhece a importância do seminário destacando que o mesmo foi um divisor de águas para ela. “Minha vida já vinha passando por uma mudança profissional e o Empretec me ajudou na tomada de várias decisões”, testemunha.