Por Evandro Artuzi

Milhares de pessoas visitam nesta sexta-feira Santa (06/04) o morro de calvário em Francisco Beltrão. Os fiéis buscaram no local um pouco de tranqüilidade para meditar e fazer orações relembrando a morte de Jesus Cristo.

 

Os visitantes vieram de vários municípios da região sudoeste e até mesmo de outros Estados, como Santa Catarina. A movimentação no local teve início antes do dia clarear. Muitas pessoas aproveitaram a madrugada para fazer suas orações, agradecer graças alcançadas e pedir a proteção divina.

 

No período da tarde também ouve intensa concentração de pessoas, principalmente aos pés do cristo, onde orações eram realizadas. No Morro do Calvário atrai pessoas o ano todo, mas é na semana santa que o movimento aumenta consideravelmente. Recentemente o local recebeu algumas melhorias para que os visitantes se sintam mais seguros e a vontade durante as visitas e orações.

Além do Morro do Calvário, a sexta-feira santa foi também de movimento intenso nas igrejas de Francisco Beltrão, onde aconteceram as celebrações tradicionais desta data.

 

 

Significado

A sexta-feira santa tem muito significado para os católicos, pois marca a reta final do período de meditação e de espera pela ressurreição de Cristo. Ocorre durante a semana santa e simboliza acima de tudo, tempo de punição e penitência para os fiéis, que não comem carne vermelha e também deixam de fazer coisas que são consideradas pecado.

A sexta-feira santa marca a morte de Cristo, que é celebrada às três horas da tarde, depois desse período, ocorre um recolhimento dos fiéis, para a espera da ressurreição, que acontece no domingo de páscoa.

 

 

Importância para os católicos

A sexta-feira santa assim como o natal e a páscoa é um dos feriados que mais importantes e tem um significado muito importante para os católicos.

Depois do período de penitência e reflexão realizado durante os quarenta dias da quaresma, e chega à época de rezar e pedir perdão, por Cristo ter salvado à todos se crucificando e acreditando em sua ressurreição, por isso que ocorre a grande espera para a ressurreição e para as graças eternas.