Faleceu na UTI da Policlínica Pato Branco no início da manhã desta sexta-feira (31), o primeiro farmacêutico do município de Chopinzinho, Libório Forlin. Com 87 anos, enfrentava problema de saúde e estava internado há uma semana. Além do setor de saúde, teve em Chopinzinho participação ativa na política, tendo exercido o mandado de vereador em duas gestões (1969/1972 e 1973/1977). Nos anos de 73 e 74 ocupou o cargo de presidente da Câmara de Vereadores.

Foi também sócio fundador do Rotary Clube Chopinzinho, em 1983, tendo exercido o cargo de presidente no biênio 84/85, participando ativamente das reuniões e eventos até os dias atuais. Libório Forlin também se destacou no setor de comunicação de Chopinzinho. Nos anos 70, junto com um grupo de amigos e empresários, fundou a Rádio Chopinzinho AM.

Seu pioneirismo e contribuição para o desenvolvimento de Chopinzinho foi reconhecido pela Câmara de Vereadores em 2011. No dia 10 de maio daquele ano, Libório Forlin recebeu uma “Moção de Reconhecimento” pelos relevantes serviços prestados à comunidade local e regional. Nossa editoria resgatou o texto publicado pela assessoria de imprensa do legislativo Municipal quando da homenagem.

“Amigo de todos, uma das personalidades mais conhecidas desta comunidade, pioneiro na área de saúde, proprietário da Farmácia São Paulo, manteve-se no mercado por aproximadamente 55 anos, encerrando suas atividades em meados de março próximo passado. A Farmácia São Paulo abriu suas portas em Chopinzinho em 14 de agosto de 1957. O local era para muitos o único socorro para doenças e enfermidades.  Libório Forlin, empresário, dono do estabelecimento, ajudou a salvar muitas vidas. Não importa questionar as razões que levaram nosso amigo a tomar esta decisão. Importa os relevantes serviços prestados ao povo desta terra por mais de meio século. Dos sofrimentos abrandados, das vidas salvas, do conforto oferecido diuturnamente a todos que o procuravam. Diga-se de passagem, não apenas a compra dos remédios para a cura física, mas também do acolhimento e do aconselhamento nas dúvidas intelectuais que eram oferecidos gratuitamente. Haverá sempre um local na lembrança das famílias reservado à reverência deste serviço indispensável às pessoas, fossem eles recém-nascidos, crianças, jovens, pais, mães, avós, indigentes, pobres, operários, agricultores, ricos ou milionários. Todos tinham naquele espaço da Avenida XV de Novembro, esquina da Rua Padre Diogo Antônio Feijó, um ponto de apoio primordial. Ao longo destes anos todos, quer como empresário, como político ou por sua vida social intensa de engajamento aos anseios do povo, Libório Forlin marcou uma época importante. Seu estabelecimento era ponto de encontro, uma espécie de “Boca maldita” onde se reuniam autoridades de todos os poderes, clérigos, políticos, amigos que ajudaram a formar os costumes da nossa gente, que estimularam novos conceitos na sociedade, que levaram muitos de nossos jovens a buscar a formação acadêmica na área de saúde e em tantas outras áreas do conhecimento humano. Sua conduta profissional, moral e familiar, sua opinião firme e corajosa, a busca constante do que é correto, aliados à boa vontade demonstrada, lhe renderam o respeito e a admiração de todos os que aqui vivem. Sua participação na vida política, como Vereador e Presidente da Câmara e de candidato a Prefeito Municipal, não pode ser esquecida. São tantas as lembranças captadas junto ao povo que é difícil sintetizar neste curto espaço tudo o que representa a trajetória do amigo Libório Forlin em Chopinzinho. Por fim, deixamos, por este testemunho, nossa homenagem pessoal, nosso reconhecimento e nossa admiração ao amigo Libório Forlin”. 

A equipe Extra FM, Rede Bom Jesus de Comunicação, lamenta a morte e se solidariza a família enlutada. O prefeito de Chopinzinho, Álvaro Scolaro, decretou luto oficial de três dias por conta do falecimento.