Tornozeleira eletrônica destinada ao prefeito Leomar Bolzani. Foto: Evandro Artuzi/RBJ
  • Compartilhe no Facebook

Tornozeleira eletrônica destinada ao prefeito Leomar Bolzani. Foto: Evandro Artuzi/RBJ

O prefeito afastado de Chopinzinho Leomar Bolzani (PSDB), acusado pela morte do procurador Algacir Teixeira de Lima, foi removido da 5ª SDP de Pato Branco para Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão na manhã desta quarta-feira (04).

A medida foi necessária para instalação da tornozeleira eletrônica, uma

Leomar logo após o desembarque na PEFB. Foto: Gelson Corazza
  • Compartilhe no Facebook

Leomar logo após o desembarque na PEFB. Foto: Gelson Corazza

vez que Leomar foi beneficiado com o direito de responder ao processo em casa. A partir de agora ele passa a cumprir prisão domiciliar em Chopinzinho, onde reside.  O advogado Auro Almeida Garcia e alguns familiares acompanharam a remoção e a instalação da tornozeleira deve acontecer no início da tarde na 19ª SDP.

Conforme o diretor do presídio, Marcos Andrade, a instalação do aparelho que vai monitorar Leomar Bolzani é feita somente por agentes penitenciários, mas como funciona por GPS e sinal de celular precisa estar num local com disponibilidade de sinal, por isso foi optado pela Delegacia de Polícia. Assim que estiver com o equipamento instalado Leomar Bolzani segue direto à Chopinzinho. Mais informações em breve.

Fotos: Evandro Artuzi/RBJ