por Ivan Cezar Fochzato

 

 

Os vereadores  votaram em primeiro turno ontem(12),durante a sessão ordinária, o Projeto de Emenda á Lei Orgânica  estendendo ao âmbito do município, a Lei da Ficha Limpa.

 

Com a  aprovação ficará  proibida a nomeação ou designação de pessoas condenadas pela prática atos ilícitos relacionados à Justiça Eleitoral, abuso de poder econômico ou político, crimes contra a economia popular, a fé pública, a administração pública ou o patrimônio público para cargos de direção ou chefia na administração direta e indireta dos poderes Executivo e Legislativo locais.

 

O projeto, iniciativa conjunta dos vereadores Leonardo Maito, Joana d´arc Franco de Araújo, Baitaka e Nestor Mikilita, deverá receber mais duas votações.