A décima edição brasileira de um dos maiores eventos de tecnologia e cultura digital do mundo foi realizada de 31 de janeiro a 5 de fevereiro, em São Paulo. Como em outras edições, a Campus Party Brasil (#CPBR10) contou com o Sebrae para orientar e dar oportunidades a micro e pequenas empresas e aos participantes interessados em empreender.

Entre os 8 mil “campuseiros” (como são conhecidos os participantes do evento que ficam acampados na estrutura montada no Pavilhão de Exposições do Anhembi), 25 integrantes de uma caravana da região sudoeste do Paraná, patrocinada pelo Sebrae/PR e coordenada por Alexandre Ferreira, integrante da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pato Branco.

Cesar Giovani Colini, gestor do projeto de Startups na regional Sul do Sebrae/PR, explica que a caravana foi organizada para agregar conhecimento e novas experiências ao ecossistema de inovação da região sudoeste do Paraná. “São jovens ligados ao ambiente de tecnologia, vários deles participaram da última edição do Startup Weekend, em outubro do ano passado. Em razão do movimento de inovação que acontece aqui, a Campus Party mostra-se um evento muito interessante para o pessoal da nossa região. A possibilidade de fazer o networking (estabelecer uma rede de contatos ou conexão) provoca um despertar nos integrantes das startups.

Segundo Alexandre Ferreira, jovens de Pato Branco, Francisco Beltrão, Palmas, Dois Vizinhos e outros municípios do Sudoeste fizeram parte do grupo. Eles participaram de hackathons (maratonas de programação), assistiram e fizeram palestras e frequentaram workshops sobre diversos temas ligados à tecnologia e à inovação.

Uma das startups da região, a Servofiel, de Dois Vizinhos, foi mais longe, tendo sido uma das 48 empresas de 17 Estados brasileiros a participar do Desafio Like a Boss 1UP, plataforma do Sebrae que identificou modelos de negócios com potencial de expansão durante a Campus Party 2017. A Servofiel acabou saindo do desafio na semifinal, quando oito startups avançaram.

Campus Party Brasil em São Paulo. Foto de divulgação
  • Compartilhe no Facebook

Campus Party Brasil em São Paulo. Foto de divulgação

Oportunidade

Mesmo assim, o sentimento é de comemoração para Romulo Mateus Duarte, diretor comercial da Servofiel, empresa que desenvolve tecnologia para meios de pagamentos em dispositivos móveis formada em setembro de 2015 e que tem ainda os sócios Julio Antunes (diretor técnico) e Marcos L. Nonemacher (diretor administrativo).

“Foi uma oportunidade única estar no maior evento de tecnologia do Brasil. Poder apresentar nossa startup para uma banca formada por investidores anjos, grandes empreendedores e representantes de fundos de investimentos e, desta forma, validar nossas soluções. Chegar à semifinal foi algo extraordinário, pois nossa empresa, que tem pouco mais de um ano de vida, bateu de frente com startups com quatro, cinco anos de vida e com grandes investimentos já realizados. São soluções realmente impactantes e nós estivemos junto com elas, provando que estamos no caminho certo, trazendo inovação aos meios de pagamento e ao segmento religioso”, comemora Romulo.

O diretor comercial da Servofiel também elogia o apoio do Sebrae/PR junto ao ecossistema de tecnologia sudoestino. “O Sebrae/PR é um ator fundamental para os empreendedores, pois nos possibilita evoluir. A organização da caravana foi muito importante. A realidade financeira das startups é sempre focada em diminuir custos e contar com o transporte e a vaga, gratuitamente, fez toda a diferença para nós”.