Um casal de idosos foi vítima de criminosos na noite do último sábado (14), na linha Serra da Paca, interior de Ponte Serrada, oeste de Santa Catarina. O homem, de 66 anos, foi pisoteado pelos elementos e está internado em unidade hospitalar de Joaçaba, com um coágulo no cérebro. Após a ação, o trio fugiu em Renault/Clio, de propriedade das vítimas, levando cerca de R$ 230,00 em espécie e mais de R$ 3 mil em joias.

Para chegar à casa das vítimas, o trio rendeu o caseiro e sua esposa, passando toda a tarde de sábado na propriedade. Por volta das 22h, os indivíduos mandaram a mulher ir à casa dos patrões e mentir que seu esposo havia sofrido um problema cardíaco.

A mulher se encaminhou aos proprietários, contando a história inventada pelos criminosos. Quando o casal de idosos chegou à moradia dos caseiros, foi surpreendido pelo trio armado, que desferiu várias coronhadas e chutes, agindo com extrema violência.

Os elementos exigiam dinheiro e joias. O homem teve a cabeça pisoteada, enquanto que a mulher também era agredida e ofendida por palavras de baixo calão. Um dos autores chegou a dizer ter sido aluno da vítima e que morava nas proximidades, mas depois tentou desmentir, dizendo se morador de Palmas, sul do Paraná. Dois dos indivíduos foram renconhecidos pelo casal.

Em seguida os homens fugiram com o carro das vítimas, abandonando-o pouco depois no bairro Cohab V, momento em que efetuaram vários disparos. A Polícia Militar foi acionada e tomou conhecimento sobre o caso. Os indivíduos usavam roupas escuras. Um deles portava uma arma longa e outro um revólver, enquanto que o terceiro utilizava-se de um cassetete. Até o momento ninguém foi localizado.