Um homem de 36 anos foi vítima de sequestro na tarde desta segunda-feira (28) em Pato Branco, no Sudoeste do Estado. Charles Iorbem Rubmen esperava os filhos quando foi abordado por dois homens na Rua Tapir, no Bairro Cadori.

Conforme ele, os dois chegaram com um Gol e um mandou ele olhar as rodas do seu carro (Peugeot 207). Ao desembarcar para fazer a verificação foi rendido e obrigado a dirigir o próprio carro até o interior de Honório Serpa, onde foi amarrado e trancado no bagageiro. Os suspeitos fugiram levando seu dinheiro e um aparelho de telefone celular.

Depois de alguns minutos conseguiu quebrar o banco traseiro e pediu ajuda a um morador que acionou a Polícia Militar.   Em entrevista ao repórter Edinei Oldoni (Rádio Itapuã de Pato Branco) Charles contou que deve ter sido levado por engano. “Acho que eu estava no lugar errado, na hora errada. Pela conversa dos dois não era para ser eu, até por que me chamaram de Giovani várias vezes. Também ao chegar no interior de Honório Serpa os dois discutiram e um disse pro outro que ele não fazia nada direito mesmo”, contou a vítima.

Charles foi encaminhado ao batalhão de Polícia Militar de Pato Branco para confecção do boletim de ocorrência e posteriormente à 5ª SDP. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que tenta identificar os autores do sequestro.