Na última quinta-feira (14), a Polícia Militar de Água Doce, oeste catarinense, prendeu Danilo D.C., 69 anos, acusado pelo crime de estupro de vulnerável. Segundo a PM, após as mães saírem para o trabalho, o homem apanhou duas meninas, de 09 e 11 anos, e as levou para uma chácara.

Na hora de retornar, o veículo apresentou falha mecânica, não sendo possível levar as crianças até em casa, antes das mães voltarem do trabalho. Ao não encontrarem as filhas em casa, as mulheres acionaram a Polícia, que recebeu a informação de uma vizinha das vítimas, que viu o carro sair com as garotas. Segundo a testemunha, a prática era comum.

O homem foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia de Joaçaba. As meninas foram submetidas à exames, que constataram a relação sexual entre o homem e a garota de 11 anos. Os trabalhos de investigação seguem para saber se o indivíduo manteve relações com outras crianças.

Assalto em Ponte Serrada

Por volta das 15h30 da última sexta-feira (15), seis homens armados invadiram uma empresa do ramo ervateiro em Ponte Serrada, há 50 quilômetros de Palmas, sul do Paraná, rendendo clientes e funcionários. Durante a ação, um rapaz de 26 anos foi baleado na cabeça. Os bandidos chegaram à bordo de uma caminhonete Toyota/RAV, placas de Balneário Camboriú (SC), furtada, e pediam acesso ao cofre da empresa.

Na sequência, a quadrilha fugiu, abandonando o veículo e adentrando em uma região de mata fechada. Forças policiais de toda a região foram acionadas para a captura do bando. Dentro da caminhonete foram encontrada uma arma e um rádio comunicador. O jovem baleado, foi encaminhado ao Hospital São Paulo de Xanxerê, onde passou por cirurgia e não corre risco de morte.

Ainda na sexta-feira, por volta das 22h30, em patrulhamento de rotina, uma equipe da PM de Chapecó avistou um GM/Corsa em atitude suspeita. Ao perceber a presença policial, um dos ocupantes do veículo conseguir fugir a pé, enquanto que o motorista, identificado como Luiz Miguel F., 25 anos, foi detido. Na DP, ele confessou ter participado do assalto no município pontesserradense. No carro foram encontrados objetos de roubo, uma chave micha, rádio comunicador, uma carteira de identidade falsificada e um colete a prova de balas. A Polícia    segue nas buscas pelo restante da quadrilha.