Por Ivan Cezar Fochzato

 

Os municípios de General Carneiro e Bituruna, que integram o território Vale do Iguaçu, foram eleito como prioritários para obter recursos junto ao Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).Com isso poderão se habilitar a apresentar projetos de desenvolvimento rural para redução das desigualdades da região junto ao Programa Nacional de Desenvolvimento Sustentável de Territórios Rurais (Pronat) e consequente acesso aos recursos do Ministério já em 2011.

 

A escolha do território do Vale do Iguaçu, que integra ainda vários outros municípios do sul paranaense, foi feita por votação em reunião do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Cedraf) que se reuniu nesta terça-feira (17) em Curitiba, sob a presidência do secretário da Agricultura e do Abastecimento, Erikson Camargo Chandoha.

 

A criação de territórios é uma exigência das políticas governamentais para que os municípios envolvidos possam obter recursos para que tenham um desenvolvimento sustentável. Atualmente, os municípios estão enfrentando dificuldades na busca por recursos federais por não estarem incluídos nos territórios, disse o delegado do Ministério do Desenvolvimento Agrário no Paraná, Reni Denardi.

 

O território do Vale do Iguaçu é composto por municípios considerados pobres e com pequena participação na produção agropecuária do Paraná. A população é de quase 180 mil habitantes, sendo que 58% vivem no meio rural e 95% das propriedades rurais são da agricultura familiar.