A sinalização de incursão de uma forte massa de ar frio polar, a terceira em menos de dez dias sobre parte do Brasil, de fato deve se concretizar, segundo as recentes atualizações dos modelos numéricos e análises de meteorologistas de órgãos oficiais.

O segundo pulso de ar gelado que ingressou do Polo Sul provocou nos últimos dois dias, temperaturas impressionantes -20°C no sul da Argentina e do Chile, além de intensificar a precipitação de neve acumulativa em várias regiões de ambos os países.
Com o deslocamento de uma intensa área alongada de baixa pressão atmosférica a janela para a possibilidade de neve aumenta no Sul do Brasil nos próximos dias. Além do reforço do ar polar, que por sinal, será muito expressivo, com a umidade e a nebulosidade gerada, a chance de nevar aumenta bastante.

As simulações numéricas indicam a possibilidade de neve, principalmente na segunda-feira (22), em cidades do centro, norte e nordeste do Rio Grande do Sul, oeste, meio-oeste, planalto sul e planalto norte de Santa Catarina e no sul, sudoeste e centro-sul do Paraná.
Alguns modelos insistem em chance elevada de neve no centro-sul do Paraná, além da Grande Curitiba, o que por momento é visto com cautela pelos meteorologistas, mas como na meteorologia quem comanda é a Mãe Natureza e não computador, tudo é possível!

A força do ar polar que entra no Brasil no inicio da próxima semana deve derrubar as temperaturas de forma expressiva no Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além de parte da Região Norte.

Há sinalização para a ocorrência de geada forte à severa, além de geada negra (geada acompanhada de vento frio intenso) em boa parte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, além de geada moderada à forte em áreas de Mato Grosso do Sul, São Paulo, sul de Minas Gerais e região de serras do Rio de Janeiro, principalmente entre terça e quarta-feira e quinta-feira (25).
Diante do vasto cenário de possibilidades indicado pelos modelos numéricos veja o que é esperado para o Paraná:
– Possibilidade de neve entre domingo, segunda-feira e a madrugada de terça-feira em cidades do sul, sudoeste e centro-sul;
– Possibilidade de neve em áreas da Região Metropolitana de Curitiba na segunda-feira;
– Possibilidade de sensação térmica de muito frio entre segunda e terça-feira em virtude do tempo nublado e do vento sul mais forte  em todo o estado;
– Possibilidade de geada ampla e geada forte em grande parte do estado, com risco de geada negra em diversas cidades;
– Possibilidade de marcas negativas de temperatura em todo o estado, entre segunda, e sexta-feira, principalmente sobre as regiões de Foz do Iguaçu, Cascavel, Francisco Beltrão, Pato Branco, Palmas, Irati, Guarapuava, Castro, Ivaí, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Maringá, Londrina, Campo Mourão, Umuarama e Paranavaí;
– Possibilidade de extremos de temperatura mínima entre -3°C e -6°C em cidades do sul, sudoeste  e centro-sul, com geada severa sobre as regiões de Palmas, General Carneiro, União da Vitória, Pato Branco, Francisco Beltrão,  Prudentópolis e Guarapuava;

(Fonte: De Olho No Tempo – Meteorologia)

E-mail: [email protected]
Skype: deolhonotempo
Telefones: (18) 3356-1504 – (18) 9152-6718 – (18) 9109-6023
Web:
www.deolhonotempo.com.br