Encerrou de forma positiva nesta quinta-feira (25), o encontro entre moradores afetados, políticos, Ministério Público Estadual e representantes da Copel, no 6° Batalhão da Policia Militar em Cascavel, onde foi discutida a pendencia existente entre a estadual e as famílias prejudicadas com a abertura das comportas da Usina Salto Caxias, em junho de 2014.

Após muita conversa a Copel se comprometeu em começar nesta sexta-feira (26) o pagamento às famílias. Pra isso foi definindo um cronograma.

Nesta sexta- feira (26), a Copel fará o pagamento aos atingidos de Nova Prata do Iguaçu e Santa Lúcia.
Boa Vista da Aparecida teve o pagamento agendado para o dia 06 de Julho. Em Realeza, a Copel irá fazer as vistorias nos dias 30 de junho e 01 de julho, com pagamento previsto para o dia 07 de julho.

Capitão Leônidas Marques recebe a equipe para vistorias entre os dias 07,08,09 e 10 de Julho, com pagamento previsto para o dia 15 de julho.
Por fim está na lista o município de Capanema, onde a Copel realiza as vistorias entre os dias 15 e 18 de julho, com pagamento previsto para o dia 23 de julho.

De acordo com prefeito de Capitão Leônidas Marques, Ivar Barea, que acompanhou toda negociação, uma lista contendo a relação das famílias que precisam fazer o cadastro está disponível os representantes de cada município atingido.

Segundo ele, a lista traz em detalhes o que cada produtor que precisa cadastrar para que possa receber o pagamento. Além disso, é importante também que os atingidos apresentem a DAP (Declaração de Aptidão ao Pronaf). Quem não possui esse documento deve procurar o escritório da Emater de seu município.

O prefeito disse estar otimista com o acordo, mas que só ficará tranquilo e confiante quando a Copel começar o pagamento nesta sexta-feira, aos atingidos de Nova Prata do Iguaçu.