Ainda não foi localizado o corpo do adolescente, Cristian Kindel, 15 anos, que desapareceu nas águas do Rio Bandeira, em Palmas, sul do Paraná, no último sábado.  As buscas pelo Corpo de Bombeiros  foram retomadas nesta terça-feira(07).

Conforme um colega, o garoto estava nadando em um local mais profundo  e teria pedindo ajuda por duas vezes antes de afundar e desaparecer. A guarnição da Seção de Bombeiros iniciou as buscas logo após o acionamento. O trabalho prosseguiu durante todo o dia de domingo e nesta segunda-feira até às 18h00.

Além do acesso, outras dificuldades são a alta vazão de água por conta das chuvas dos últimos dias  e o excesso de galhos de árvores no leito do Rio.  Familiares montaram acampamento para auxiliar nas buscas, inclusive durante toda a madrugada de hoje. A vó, que criou o menino, Dona Terezinha de Jesus Damasceno, durante a programação da Rádio Club pediu orações e apoio de outras pessoas para que o corpo seja localizado. “ Eu não aguento mais a espera. Peço apoio espiritual. Ele não era um neto, era meu filho. Um menino de ouro”, contou a vó em prantos.