Faleceu na tarde desta sexta-feira, 24, o Pe. João Nalon, 82, que encontrava-se internado na Policlínica, em Francisco Beltrão. No sábado, 25, na Igreja Matriz de São Jorge do Oeste, foram celebradas três missas de corpo, às 8h, 10h e 14 horas (presidida por Dom José Antonio Peruzzo, concelebrada por diversos padres). Após, o corpo foi transladado para Bituruna, para sepultamento na manhã de domingo.
Pe. João Nalon nasceu no dia 23 de março de 1932, em Bituruna, que na época era Distrito de Palmas-PR. Sua ordenação sacerdotal ocorreu no dia 19 de dezembro de 1959, em Curitiba. Dentre as diversas atividades exercidas, Pe. João, trabalhou no Seminário Menor São João Maria Wianney, em Palmas, como diretor espiritual; foi pároco na Paróquia de São Jorge do Oeste e assessorou o Movimento Serra.
Na celebração de despedida, dom José Antonio Peruzzo demonstrou gratidão ao Pe. João: “Falava a nós padres que a melhor maneira de se preparar para a eternidade é ter paixão pelo ministério. Parece que a vida era breve diante de tanto amor. Pe. João estava sofrido, cansado, mas com fortaleza de ânimo”.
Representando o clero, o Pe. Valdecir Bressani, destacou o que representou o Pe. João: “É um momento de dor para nosso presbitério. Nosso clero fica mais pobre, com um a menos. Mas mais rico, pois se enriquece porque Pe. João foi perseverante na caminhada de evangelização e deixa a marca de tantos ensinamentos. Queremos nos despedir com nobreza e orgulho desse padre que fez parte de nosso presbitério”.