As duas coleções pertencem ao empresário Claudio Petrycoski (Atlas Eletrodomésticos) que organizou parte do acervo de veículos antigos, adquiridos recentemente e as canetas que já coleciona há muitos anos.

Os apaixonados por veículos antigos se surpreenderam com dezenas de carros de décadas e dos séculos passado e retrasado, esportivos, clássicos e inusitados. Todos estão em perfeito estado de conservação, impecáveis e funcionando.

Cláudio diz que sua coleção de passa dos 160 carros e outros devem ser adquiridos. Ele conta que começou numa brincadeira no final de 2012 e daí não parou mais de comprar. “Comecei comprando um carro por sugestão do meu colaborador, o Daniel, que me mostrou um veículo no Bairro Anchieta. A ideia era que eu comprasse apenas um pra andar aos finais de semana, mas me empolguei e fui pra São Paulo e adquiri todos esses”, lembrou.

 

Canetas Promocionais:

Após auditoria realizada dias 17 e 18 de julho, em Pato Branco, por Luciano Cadari, o RankBrasil, organização mais respeitada do país em avaliações de quantidades de produtos diversos, Petrycoski recebeu troféu e certificado como o maior colecionador brasileiro de canetas promocionais.

Ele possui, segundo a RankBrasil, com 95.256 canetas não repetidas com marcas diversas de empresas, órgãos e entidades do Brasil e mais de 12 países, entre eles Estados Unidos, Israel, Alemanha e Portugal.

Luciano Cadari, auditor do RankBrasil conta que em 2009 certificou a maior coleção na época que era de Sílvio Rogério Heuer, com 8.250 unidades. “A coleção de Cláudio Petrycoski ultrapassou, e muito, o recorde nacional anterior e possivelmente seja a maior coleção do mundo de canetas promocionais. O Guiness ainda tem espaço para esta modalidade.”