Imagem feita por uma colega de trabalho, no dia 20 de março.
  • Compartilhe no Facebook

Imagem feita por uma colega de trabalho, no dia 20 de março.

A Polícia Civil de Salto do Lontra, Sudoeste do Estado, prendeu na tarde desta quarta-feira (29) a estagiária acusada de agredir um bebê de 7 meses em um Centro de Educação Infantil. O fato ocorreu no dia 20 de março, mas chegou ao conhecimento da família e da polícia no dia 24.

A mulher de 27 anos se apresentou na Delegacia acompanhado do advogado para esclarecer os fatos e foi comunicada que estava com a prisão preventiva decretada da pela justiça.

Conforme o delegado Sandro Spadotto Barros, que cuida do caso, ela preferiu se reservar a prestar informações somente em juízo. No entanto, além do vídeo feito por uma colega que comprova as agressões, a polícia ainda descobriu que ela agiu da mesma forma em outra Creche no mês de janeiro, por isso foi indicada por tortura.

Ela foi encaminhada à 19ª Subdivisão Policial de Francisco Beltrão, que dispõe de cela especial para mulheres. Ao ser abordada pela imprensa, se manteve em silêncio, ignorando os questionamentos feitos pelos jornalistas.

Momento em que a estagiária chega na 19ª SDP, de Francisco Beltrão. Foto: André Lessei/TV Sudoeste
  • Compartilhe no Facebook

Momento em que a estagiária chega na 19ª SDP, de Francisco Beltrão. Foto: André Lessei/TV Sudoeste