por Alencar Pereira

 

Com o calor dos últimos dias, rios, represas e praias artificiais da região, recebem um grande número de pessoas, principalmente nos finais de semana. Mas todo o cuidado e pouco. As águas são imprevisíveis, perigosas, e traiçoeiras, por isso, nesta época cresce o número de acidentes e afogamentos.

 

O corpo de Bombeiros de Palmas, sul do Paraná emitiu uma nota com orientações as pessoas que se deslocam para esses lugares. Segundo a nota é preciso:

 

* Evite nadar sozinho.

* Não tomar bebida alcoólica antes de entrar na água.

* Não se afastar da margem.

* Não saltar de locais elevados para dentro da água.

* Não tentar salvar pessoas em afogamento sem estar devidamente habilitado, prefira lançar flutuadores para salvar pessoas ao invés da ação corpo a corpo.

* Onde houver a existência do salva-vidas permaneça sempre próximo a ele.

* Evitar brincadeiras de mau gosto como os conhecidos “caldos”.

* Evitar navegar com carga em excesso.

* Somente conduzir embarcações se for habilitado.

 

Infelizmente nesta segunda-feira (17) o Corpo de Bombeiro registrou a terceira morte por afogamento nesse ano na região de Palmas, trata-se de Jonatan R. da Silva Soares, 11, que morreu afogado em um açude, localizado na Fazenda São Geraldo, no município de Coronel Domingos Soares.