por Ivan Cezar Fochzato

 

No próximo dia 17 de dezembro, aproximadamente cinqüenta entidades, devidamente cadastradas irão eleger os cinco membros do Conselho Tutelar de Palmas. A eleição ocorrerá na câmara de vereadores e a expectativa é de que aproximadamente vinte candidatos concorram às cinco vagas de conselheiros.

 

A eleição deste ano será de forma indireta, ou seja, apenas entidades devidamente credenciadas junto ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, terão direito a voto. Para se cadastrar as entidades devem comprovar atuação com ações de educação/assistência a crianças e adolescentes no município.

 

Conforme a presidente do Conselho Municipal, Téia Rosa Bobella, a mudança na forma de escolha ocorreu para impedir disputa eleitoreira entre os candidatos, como ocorreu em pleitos anteriores. Interessados em concorrer ao cargo de conselheiro tem até a segunda-feira, 29, para procederem as inscrições junto a sede provisória do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Confira áudio