• Compartilhe no Facebook

Dirigentes das subseções da OAB em Palmas, Pato Branco, Francisco Beltrão, União da Vitória e Dois Vizinhos se reuniram nesta quarta-feira (27) com o governador em exercício. Darci Piana; secretário chefe da Casa Civil, Guto Silva; Deputado, Luiz Fernando Guerra Filho para pleitear melhorias na infraestrutura da PR 280. A sessão foi acompanhada pelo presidente da OAB Paraná, Cássio Telles, e pelo diretor de Prerrogativas Alexandre Salomão.

“Trata-se de uma rodovia importantíssima, que hoje tem muito movimento de caminhões de cargas. Não há sinalização, é uma região sujeita a muita neblina, principalmente no período de inverno que se aproxima, e uma estrada que apresenta muitas ondulações, depressões, que causam muitos riscos para quem trafega lá. Semanalmente ocorrem mortes na rodovia. Muitos advogados transitam por ela diariamente para fazer suas audiências, correndo riscos”, ponderou o advogado pato-branquense Cássio Telles.

  • Compartilhe no Facebook

O pedido de providências foi formulado pelos presidentes da OAB Palmas, Eduardo Tobera Filho; da OAB Pato Branco, Jânio Santos Figueiredo; da OAB União da Vitória, Omar Cador Eddine; da OAB Francisco Beltrão, Luiz Carlos Dagostini Júnior; e pelo presidente da Seccional, Cássio Telles. O pleito também foi endossado pelo deputado estadual e advogado, Luiz Fernando Guerra.

O governador em exercício e o secretário chefe da Casa Civil, que têm raízes em Palmas e Pato Branco, se mostraram sensíveis ao pleito. Os dirigentes frisaram que a rodovia está entre as prioridades do Governo do Estado.

O presidente da OAB Palmas, Eduardo Tobera,  avaliou  encontro como muito produtivo. Pontuou que o governo sabe da situação crítica da PR 280 e da importância dessa rodovia para o escoamento da produção. Reiterou que muitos advogados usam esta rodovia, por isso a OAB solicita este pleito”, destacou.

Nos últimos três anos, a Sexta Companhia do Batalhão da Polícia Rodoviária do Estado do Paraná registrou 324 acidentes na PR 280, o equivalente a um sinistro a cada três dias.