Foi publicada no Diário Oficial do Município (DIOEMS) desta terça-feira (18) a exoneração da diretora do departamento de Ação Social de Palmas, sul do Paraná, Priscila Loureiro de Mello. Conforme a publicação o desligamento da administração ocorreu a pedido da gestora da pasta. Até o momento não houve nova nomeação para o cargo.

A informação de sua saída da função já vinha sendo comentada, anteriormente a oficialização. Até mesmo em rede social [facebook], a própria já havia anunciado sua saída ao publicar ainda no dia 12 de abril a seguinte mensagem: “Me sinto na obrigação de esclarecer o que aconteceu hoje (12) pela manhã na Assistência Social aqui em Palmas. Cheguei para trabalhar e me deparei com três seguranças, sendo um armado. Não me deixaram subir. Eu diretora de Assistência Social. Chamei o vice-prefeito e também o diretor da infraestrutura os quais são pessoas íntegras. Com eles entrei no departamento de Assistência Social e fiz eu mesma o pedido da minha exoneração. Ato inadmissível”.

Por telefone a ex-diretora relatou que tomou todas as providencias judiciais cabíveis a respeito do fato. Disse que seu advogado está cuidando da situação e que em breve se pronunciará a respeito do ocorrido. A chefia de gabinete do executivo confirmou ao RBJ que pretende pronunciar-se a respeito.