Cerca de dois milhões de pessoas morrem por ano no mundo vítimas de acidentes de trânsito. Um dos grandes aliados desta estatística é a mistura entre álcool e direção, mesmo com o endurecimento da lei seca, que impõe ao condutor sob efeito de álcool multa de R$ 1.915,40, além de suspensão do direito de dirigir, o infrator estará sujeito a prisão de seis meses a três anos. O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran/PR), realizou durante a 26ª Expobel de Francisco Beltrão, ações educativas em bares para alertar a população do risco dessa combinação mortal.

A equipe de Educação para o Trânsito do Detran distribuiu material educativo sobre a combinação perigosa – álcool e direção – e realizou o teste do bafômetro educativo. Muitas pessoas tinham curiosidade em fazer o teste para saber se realmente funciona. “Apoio essa iniciativa do Detran, pois acontecem tantos acidentes na nossa cidade, imagino que com pessoas alcoolizadas, esse número e a gravidade só tendem a aumentar”, afirmou o empresário Almir Nunes da Silva.

Além do teste do bafômetro, o Detran sugeriu o ‘amigo da vez’ , aquelas pessoas que não ingerem álcool para assumir a direção do veículo. Em cada estabelecimento visitado pela equipe do Detran, os próprios clientes dos bares pediam para fazer o teste do bafômetro, demonstrando a conscientização das pessoas.

Valdeci Priester, chefe da 30ª Ciretran de Beltrão, participou da ação e conversou com várias pessoas sobre a ação educativa. “Alertamos os visitantes da Expobel do perigo de dirigir após consumir bebida alcoólica, sobre a necessidade de ser responsável não apenas para quem está ao volante, mas também por quem está do seu lado.

Com isso mostramos à todos que uma escolha pode mudar toda a sua vida e de quem te ama também”, disse Valdeci. Ele agradeceu os colaboradores do Detran de Curitiba (Ariane Moraes, João Muniz, Jean Carlo, Mary Hellen Teles, Ivaldo, Michele Polli, João Paulo Pereira) e também a todos os colaboradores da 30ª Ciretran pela dedicação e comprometimento durante a Expobel.