Por Evandro Artuzi

Dando seqüência às discussões para a criação de uma estrada parque, com a possível reabertura da estrada do colono, ligação entre o sudoeste e oeste do Paraná numa extensão de 17,5 KM, o deputado federal Assis do Couto (PT/PR) esteve em Capanema no último sábado (28/07), pela manhã. Na oportunidade se reuniu com lideranças locais para apresentar o projeto denominado “Caminho do Colono: O passado, a memória, o esquecimento”, que visa a publicação de dois livros e a produção de um documentário em vídeo contando toda a história da estrada e a colonização da região.

O trabalho deve ser desenvolvido pela Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS), Campus de Realeza, através de seus professores e acadêmicos. Para custear as publicações, uma emenda parlamentar no valor de R$ 400 mil, de autoria do deputado Assis do Couto, foi liberada pelo Ministério da Educação ainda em 2011.

Conforme o parlamentar, o recurso já está disponível e as produções devem iniciar em breve. O projeto ainda prevê a viagem de acadêmicos bolsistas a Espanha em busca de informações que possam enriquecer o conteúdo dos livros a serem publicados. Em entrevista à Rádio Onda Sul FM, nesta segunda-feira (30/07), Assis do Couto destacou a iniciativa, bem como o apoio que tem recebido das entidades regionais para consolidação do projeto.