Nesta quarta-feira (20), a deputada Leandre Dal Ponte, atual procuradora da Mulher da Câmara dos Deputados, participou de uma reunião com integrantes da OAB  (Ordem dos Advogados do Brasil) para que a instituição dê apoio na defesa das vítimas de violência doméstica nos processos e denúncias recebidos pela Procuradoria da Mulher.

Mais cedo, ainda na quarta-feira, ela também participou de um compromisso com integrantes do Ministério da Justiça; Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos; e do Ministério de Relações Exteriores para tratar da violência sofrida por mulheres brasileiras no exterior.

Em fevereiro, durante uma reunião Grupo Parlamentar Brasil-Portugal a deputada paranaense levou a informação de que a maior parte das denúncias recebidas pela Câmara, sobre violência sofrida por mulheres que vivem no exterior, é proveniente de Portugal. Leandre sugeriu que fossem criados procedimentos de atendimento em comum com as autoridades portuguesas.

Comissão externa 

Neste mês de Março, considerado o Mês da Mulher, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, formalizou a criação de uma comissão externa para acompanhar os casos de violência doméstica contra a mulher e os crimes de feminicídio no País. A criação do colegiado foi proposta pelas deputada Flávia Arruda (PR-DF) e Leandre Dal Ponte (PV-PR) e aprovada em Plenário no dia 25 de fevereiro.