O grupo também aprendeu na prática como proceder. Foto: Assessoria
  • Compartilhe no Facebook

O grupo também aprendeu na prática como proceder. Foto: Assessoria

Um grupo formado por lideranças de comunidades do interior e da cidade, representantes de escolas e colégios, além de funcionários públicos de Bom Sucesso do Sul estão aptos desde o último sábado em salvar vidas. Eles participaram de um curso gratuito ofertado pela prefeitura para realizarem os primeiros atendimentos em casos de acidentes, fogo ou problemas repentinos de saúde.

O treinamento ocorreu na Escola Técnica Profissionalizante (ETC) e contou com a participação de 35 pessoas, que puderam conhecer na teoria e na prática como proceder em casos extremos. Na parte da manhã o grupo recebeu informações básicas no auditório do ETC e na parte da tarde foram para a prática com fogo na parte externa. As orientações foram repassadas pelos integrantes do 2º Sub-grupamento do Corpo de Bombeiros de Pato Branco o aspirante Rafael Carabragiale Fuck, e os soldados Gregorini e Guilherme, que se disponibilizaram gratuitamente para fazer a capacitação.

Reciclagem de brigadistas

O aspirante Rafael comentou que o treinamento quer deixar pessoas da comunidade com conhecimento para poderem agir de forma adequada em eventos e no dia a dia.  “Oferecemos uma reciclagem para os que já são brigadistas e um conhecimento básico para quem está participando pela primeira vez.

É uma exigência que cada evento tenha pessoas com essa capacitação para agir de forma correta a fim de salvar vidas ou para evitar complicações em acidentes”, explicou o aspirante. Os brigadistas (defesa civil) receberam certificado, já que participaram de um primeiro treinamento em 2013.

Primeiras medidas

Questionadas sobre os procedimentos mais comuns e que são fundamentais nos momentos de acidentes e de emergências, o aspirante afirmou que o principal é ter calma. “É preciso ter tranquilidade para prestar atenção no atendimento que está sendo feito e para passar as informações corretas para os socorristas. Com conhecimentos básicos de atendimento é possível evitar fraturas e até salvar vidas, ” salientou o bombeiro.

O diretor municipal de Obras e Serviços Urbanos Leandro Guarez comenta que o curso foi ofertado pela prefeitura como forma de preparar melhor pessoas da comunidade para as eventualidades que possam ocorrer no dia a dia e nos eventos, e ainda atender a recomendação de um Termo de Ajusta de Conduta (TAC). “Atenciosamente o 2º sub-grupamento dos Bombeiros atendeu a nossa solicitação em cumprimento a TAC firmada entre Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Ministério Público e prefeituras para adequar os projetos de prevenção de incêndios, e treinamento de pessoal. Aproveito para agradecer ao capitão Alecsander Dornelas e ao capitão Genuíno Dalponte pelo atendimento a solicitação”, enalteceu Guarez. Ele lembra que com o apoio do Corpo de Bombeiros a grande maioria dos prédios públicos já conta com projeto de prevenção de incêndio, e outros estão prestes em serem finalizados.