Por Evandro Artuzi 

Peritos do Instituto de Criminalística de Francisco Beltrão, auxiliados por peritos da Seção Técnica de Crimes Contra a Pessoa, realizam na tarde desta terça-feira (07) a reconstituição de um crime em Chopinzinho. A pedido do Ministério Público da Comarca de Chopinzinho será realizada a reconstituição de um homicídio ocorrido no dia 01 de fevereiro de 2009, onde foram vítimas os irmãos José Valdecir e Adão de Oliveira, mortos a tiros em uma lanchonete na Avenida XV de Novembro, Centro, por Airton Turmina, 38 anos.
Na ocasião, o autor dos disparos trocou tiros com o escrivão da Polícia Civil, Wagner Schizzi, que estava próximo do local onde os irmãos foram mortos. Schizzi ao perceber o homicida em fuga deu voz de prisão e este disparou contra o policial, homiziando-se nos fundos de uma residência no cruzamento das Ruas 14 de Dezembro e Padre Anchieta, há duas quadras do local.
Turmina, que portava um revólver calibre 32, reagiu novamente durante abordagem da Polícia Militar e foi atingido na cabeça por um disparo de espingarda calibre 12, efetuado por um policial militar. Foi socorrido, porém faleceu a caminho do hospital. Os corpos foram todos encaminhados ao IML de Pato Branco. A reconstituição está marcada para as 15h desta terça-feira (07), segundo informou a Perita Chefe da Seção técnica do IC (Instituto de Criminalística) de Francisco Beltrão, Graciele Pereira.