Na última segunda-feira, 6 de fevereiro, os diretores das Centrais pertencentes à Cresol Confederação reuniram-se com a presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES, em Porto Alegre.

Na oportunidade, estiveram presentes pelo Banco a Presidente, Maria Silvia Bastos Marques, Cláudio Coutinho Mendes, Diretor das Áreas Financeira, Internacional e de Crédito, Ricardo Luiz de Souza Ramos, Diretor das Áreas de Operações Indiretas, de Comércio Exterior, Fundos Garantidores, de Administração e Recursos Humanos, Marcelo Porteiro Cardoso, Superintendente da Área de Operações Indiretas, Mariza Ramos Louzan, Chefe de Departamento de Comunicação e Carlos Alberto Vianna Costa, Chefe do Departamento de Relacionamento Institucional e Gestão do Crédito Rural.

Pela Confederação, o Presidente Cledir Magri participou junto do Presidente da Central Cresol Baser, Alzimiro Thomé, do vice-presidente da Cresol Baser, Luiz Ademar Panzer, do Presidente da Cresol Sicoper, Gelson Ferrari, do Diretor Comercial da Cresol Sicoper, Claudio Rizzon, do Presidente da Cresol Central, Rudemar Casagrande, e do Diretor de Crédito da Cresol Central, Braulio Zatti.

A reunião aconteceu na sede do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) em Porto Alegre, outro parceiro histórico da Cresol nos estados do sul do Brasil, onde na ocasião o Presidente da Cresol Confederação, Cledir Magri, fez a abertura da reunião contextualizando a comitiva do BNDES sobre a história da Confederação e os avanços no crédito solidário. Na apresentação, Cledir destacou a importância da parceria nas relações das Cooperativas Cresol com o BNDES, além de um vídeo que ilustrou com depoimentos de sócios agricultores a necessidade e a prática dessa parceria no crédito rural para a agricultura familiar.

“Todas essas conquistas só foram possíveis por meio de grandes parceiros, entre eles o BNDES, que assim como a Cresol tem em sua missão atender e promover o desenvolvimento das famílias do Brasil. Essa missão se fortalece a cada dia com recursos, projetos e repasses que estão mudando a realidade do campo e da cidade em diferentes regiões onde há parceria Cresol/BNDES”, finalizou Cledir.

Presidente da Cresol Confederação, Cledir Magri, acompanhado dos diretores das Centrais e comitiva do BNDES. Foto de divulgação
  • Compartilhe no Facebook

Presidente da Cresol Confederação, Cledir Magri, acompanhado dos diretores das Centrais e comitiva do BNDES. Foto de divulgação

A Cresol construiu com o Banco um vínculo histórico e que se solidifica a cada dia. E para apresentar esses avanços o vice-presidente da Central Cresol Baser, Luiz Ademar Panzer, trouxe um resgate dos valores, projetos e repasses realizados pelas Cooperativas. “A Cresol iniciou no ano de 1999 uma caminhada junto ao BNDES, como mandatária, onde em 2004 alcançamos a condição de agente financeiro do Banco e nessa caminhada foram mais de R$ 5 bilhões em crédito rural para os agricultores familiares, por meio dessa parceria que cresce e se fortalece a cada dia”, destacou Panzer.

Para a Presidente do BNDES, Maria Silvia Bastos Marques, a Cresol é uma instituição importante para o desenvolvimento da agricultura familiar, e o Banco quer, cada vez mais, que essa parceria prospere, onde os grandes beneficiados são as famílias agricultoras que tanto necessitam do crédito para produzir e crescer. “Fico orgulhosa com esse resultado apresentado. Nosso trabalho é difundir boas práticas como esta, e queremos aumentar nossa capilaridade, mantendo e qualificando esse trabalho”, comentou a Presidente.

Após as apresentações a Cresol, os Presidentes das Centrais fizeram uma fala destacando a parceria e também foram apresentadas as demandas de crédito ao Banco, bem como os desafios do cooperativismo de crédito rural, destacando o BNDES como uma peça fundamental para o fortalecimento e crescimento dos agricultores familiares e da economia dos pequenos municípios. Um dos grandes desafios lembrados, e que também é foco do Banco, foi a Governança, onde o BNDES quer estar cada vez mais próximo para qualificar e aprimorar os processos pautados na boa gestão.

Para finalizar a reunião, a Cresol Confederação agradeceu a oportunidade e fez a entrega de uma lembrança composta por produtos feitos por agricultores familiares cooperados da Cresol e financiados pelo BNDES.