A maioria dos empresários do setor comercial, serviços e turismo da região Sudoeste do Estado aposta no aumento das vendas no primeiro semestre deste ano. A expectativa favorável foi apontada por 71,9% dos participantes da Pesquisa de Opinião elaborada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), na melhor expectativa desde 2015. O índice de confiança melhorou 16 pontos em relação o último levantamento, no segundo semestre do ano passado.

  • Compartilhe no Facebook

Na avaliação Fecomércio, a  mudança na opinião dos empresários é reflexo da esperança de melhora da economia em função dos novos governos federal e estadual. Além disso, a confiança do consumidor voltou a subir e o varejo paranaense apresentou em 2018 o primeiro aumento real no volume de vendas desde o início da crise, em 2014.

Os empresários da região também pretendem contratar mais em 2019. A parcela de empresas que planeja aumentar o número de colaboradores é de 37,5%, contra apenas 6,3% da última sondagem. Para este semestre, as organizações que devem manter o mesmo patamar da força de trabalho correspondem a 53,1% e apenas 3,1% pretendem fazer demissões.

Conforme o estudo, 37,5% das empresas da região pretendem investir em seus negócios neste semestre, a mesma parcela da última sondagem. Ainda receosas, outras 25% não planejam fazer investimentos e 37,5% ainda não decidiram.

Dentre as seis regiões avaliadas pela pesquisa, a região Oeste concentra o maior número de empresários otimistas, com 77,6%. Na sequência está Londrina (74,6%), seguida por Ponta Grossa (73,9%), Maringá (72,9%), Curitiba e Região Metropolitana (72,7%) e o Sudoeste (71,9%).