No dia 05 de outubro, os brasileiros vão às urnas para elegerem os seus representantes, na Assembleia Legislativa, na Câmara Federal, no Senado, no Governo do Estado e na Presidência da República. Entre deputados estadual, federal, senador, governador e presidente serão cinco candidatos. Entretanto, na prática o eleitor irá votar em 9 agentes. Além dos titulares, serão escolhidos também os pouco conhecidos e quase sem nenhuma propaganda, vice-governador, vice-presidente e os suplentes de senador.

Conheça os candidatos à vice-governador
  • Compartilhe no Facebook

Conheça os candidatos à vice-governador (Clique para ampliar)

No Paraná, 8 chapas disputam o governo do Estado: Beto Richa (PSDB) e Cida Borghetti (PROS), Roberto Requião (PMDB) e Rosane Ferreira (PV), Gleisi Hoffmann (PT) e Haroldo Ferreira (PDT), Ogier Buchi (PRP) e Elson de Almeida (PRP), Bernardo Pilotto (PSOL) e Maicon Palagno (PSOL), Rodrigo Tomazini (PSTU) e Érika Andreassy (PSTU), Geonisio Marinho (PRTB) e Rosangela Balduino (PRTB) e Túlio Bandeira (PTC) e Ulisses Sabino (PTC).

Único cargo legislativo em que o agente é eleito pelo voto majoritário, o de senador leva consigo dois substitutos, que, quando necessário, assumem uma cadeira no Congresso Nacional. Diferentemente dos suplentes de vereadores e deputados, que assumem conforme a votação proporcional, os “reservas” dos senadores são fixos, o que gera críticas, visto que os suplentes tornam-se senadores, sem receber votos.

Cada Estado brasileiro, possui 3 representantes do Senado Federal. Neste ano, cada estado elegerá 1 representante, que terá um mandato de 08 anos em Brasília. Pelo Paraná, 08 candidatos disputam a cadeira que é ocupada atualmente pelo senador Alvaro Dias (PSDB), que tenta a reeleição.

Conheça os candidatos à suplência (Clique para ampliar)
  • Compartilhe no Facebook

Conheça os candidatos ao senado e seus suplentes (Clique para ampliar)

Concorrem ao lado do tucano, o empresário Joel Malucelli, fundador do Grupo J. Malucelli, na 1ª suplência e o presidente estadual do PSB, Severino Araújo, na 2ª. O ex-deputado Ricardo Gomyde (PC do B) concorre ao Senado, com José Eliseu Chociai (PTN) como 1º suplente e Paulo Pratinha (PT) como 2º. Marcelo Almeida (PMDB) tem ao seu lado o ex-deputado Antonio Martins Anibelli (PMDB) e o ex-secretário de Estado, Herculano Lisboa (PMDB).

O PRTB apresenta o candidato Adilson Senador da Família juntamente com os suplentes Pedro Luiz e Batista Cavalcante. Pelo PTC, Luiz Barbara concorre, tendo DJ Gege e Chico Lima nas suplências. Evandro Castagna é o candidato na chapa do PSTU, juntamente com Mateus Magalhães e Marcos Aurelio. Professor Piva disputa a vaga no Senado pelo PSOL, com Olavo Costa e Sérgio dos Santos nas suplências e pelo PRP, Mauri Vianna tenta a eleição, com os suplentes Ceslau Makovski e Moacir do Amaral.