Aplicação do fumacê no Loteamento Jardins. Foto: Assessoria.
  • Compartilhe no Facebook

Aplicação do fumacê no Loteamento Jardins. Foto: Assessoria.

Com a confirmação do primeiro caso de dengue do ano no município de Chopinzinho, sudoeste do Paraná, as ações de combate se intensificaram nos últimos dias.

A Secretaria de Saúde reforça combate ao mosquito, especialmente na região onde caso foi confirmado, no Loteamento Jardins. Além das ações de prevenções rotineiras, quatro equipes foram deslocadas para o Bairro, onde foi feita orientação aos moradores, vistoria, coleta e análise de larvas e fumacê (com o método UBV e uso de inseticidas).

Para o Secretário Municipal de Saúde, Fabiano Poppia, com o auxílio da comunidade e o trabalho da equipe de vigilância, será possível diminuir o foco do mosquito na cidade.

Não podemos esconder a situação e os índices, devemos buscar a real situação epidemiológica e trabalhar de forma estratégica para resolvê-lo. Neste primeiro arrastão foram encontradas várias situações a serem solucionadas e a tendência neste momento é a elevação de índices, mas com trabalho e união de todos e com o trabalho da equipe de vigilância, vamos conseguir diminuir significativamente este indicador para o próximo ciclo.

No local foram encontradas larvas do mosquito. Foto: Assessoria.
  • Compartilhe no Facebook

No local foram encontradas larvas do mosquito. Foto: Assessoria.

Os agentes epidemiológicos estão realizando vistoria em 100% das casas, em um raio de 300 metros de onde apareceu o primeiro caso. Em casas que foi achado a larva, é emitida uma notificação e o proprietário tem 48 horas para solucionar o problema encontrado.

O processo administrativo de autuação passa por três estágios: notificação (com prazo para eliminar o foco); não resolvendo a situação, é feito uma intimação e, persistindo o problema, o cidadão é multado, cabendo ao gestor aplicar multa conforme Lei vigente no Município, Lei Nº 3542/2016.

Quem apresenta os sintomas da dengue, como dores nos olhos, cabeça e corpo, febre, e em alguns casos, manchas vermelhas pela pele, vômito e diarreia, deve procurar a Secretaria de Saúde e não se automedicar. A dengue é transmitida pela picada do mosquito infectado, principalmente o Aedes Aegypti. Mesmo quando o caso ainda não foi confirmado por exame laboratorial, é recomendado repouso do 1º dia que aparecem os sintomas e pelos próximos 15 dias. Esta medida serve tanto para recuperação da doença quanto para evitar que mosquitos piquem a pessoa e transmitam aos demais a dengue. Ainda, recomenda-se tomar muita água e passar repelente a cada 2 horas.