Por Evandro Artuzi 

O comandante geral da Polícia Militar do Paraná, Coronel Roberson Luiz Bondaruk esteve em Francisco Beltrão nesta quinta-feira (22/03). Na oportunidade visitou as estruturas do 21º Batalhão de Polícia Militar e do 3º Subgrupamento de Bombeiros Independente, órgão também integrante da Polícia Militar. Além disso, participou de reuniões com soldados, cabos e sargentos e, no final da tarde, com oficiais lotados em toda área do Batalhão.

 

Encerrando a visita, se reuniu com lideranças da comunidade, vereadores e prefeitos da região, onde destacou as mudanças que vem acontecendo na estrutura da Polícia Militar e as novas ações para melhorar a segurança na região sudoeste. Prometeu escolas para formação de novos soldados da Polícia Militar (40) e Corpo de Bombeiros (25), além de ouvir os anseios da região.

 

A visita, segundo o comando, segue a filosofia de Polícia Comunitária, ou seja, a polícia cada vez mais próxima da comunidade. O comandante ainda citou os investimentos do governo na criação do Batalhão de Fronteira, com objetivo de atuar juntos com demais órgãos de segurança no combate aos crimes em municípios fronteiriços. No sudoeste, o Batalhão terá uma unidade em Santo Antonio do Sudoeste, na divisa com a Argentina.

 

Coronel Roberson fez uma visita de inspeção no 21º Batalhão. Para o comandante, Tenente Coronel Paulo Cesar Mulinari, a visita foi muito proveitosa, principalmente nessa fase inicial em que se encontra a unidade, criada no final de 2010. Como ponto positivo da visita, Mulinari citou a vinda de novos policiais para o Batalhão.

 

No Corpo de Bombeiros, o comandante se reuniu com a tropa e ouviu as principais reivindicações. Na ocasião anunciou investimentos em material humano e equipamentos para melhorar as condições de trabalho. O comandante do Subgrupamento de Bombeiros Independente, major Norton Alexandre Kapp, também elogiou a visita e principalmente a promessa de formar soldados na própria unidade.

OUÇA