A falta de chuvas regulares tem provocado a redução da vazão de água no Rio Caldeiras, responsável pelo abastecimento de água da cidade de Palmas.

De acordo com o gerente regional da Sanepar em Pato Branco, Edenilson Albani, a captação de água do Rio Caldeiras teve queda de 20% em razão da diminuição do nível do rio – de 320 mil litros para 288 mil litros por horas.

Ressalta que a falta de chuvas regulares se estende há mais de oito meses e a previsão pluviométrica para os próximo três meses ainda não é favorável.

Destaca que a captação de água é realizada 24 horas por dia, com o consumo em Palmas chegando a 7,6 milhões litros diariamente. Salienta que a Sanepar tem adotadas medidas operacionais para garantir a continuidade do abastecimento, mas lembra que é necessário que toda a população colabore, reduzindo o consumo da água.

A orientação é que seja priorizado o uso para alimentação e higiene pessoal. As limpezas mais pesadas, como lavagem de carros, calçadas e fachadas, devem ser adiadas até que a situação se normalize.