A semana está sendo de novas experiências para as crianças da rede municipal de ensino. Na última segunda-feira (13) começou o ano letivo. Momento de conhecer a professora, colegas e viver a experiência de uma nova série. Além dos pais prestarem atenção no peso que a criança leva na mochila, outro ponto que merece muito cuidado é a alimentação que os pequeninos levam na lancheira.

Francieli Baldissera / Foto: Arquivo pessoal
  • Compartilhe no Facebook

Francieli Baldissera / Foto: Arquivo pessoal

Segundo a Nutricionista Infantil, Francieli Baldissera é importante ter na lancheira das crianças três tipos de nutrientes, “o lanche escolar é uma das principais refeições. Então é muito importante que os pais se atentem a isso e prestem muita atenção na hora de montar a lancheira do filho. Basicamente o lanche deve ser composto de três principais nutrientes, que é o carboidrato, proteínas e uma fonte de vitamina”.

Outro ponto que merece atenção é forma de armazenamento do lanche. Dependendo do alimento, os pais devem colocar em recipientes indicados, para que não estrague. No caso de encaminhar frutas, é indicado mandar de forma in natura, com casca.

O lanche da escola ou até mesmo a alimentação de casa, não deve ser trocado por doces. “Na verdade, o doce não deve fazer parte do cotidiano da criança. A gente indica que os doces sejam consumidos esporadicamente. Muitos pais têm o hábito de buscar a criança na escola e levar para comer um docinho antes de chegar em casa. Isso é péssimo, eles acabam comendo menos na janta e tem menos consumo de nutrientes”.

 

Dicas da Nutricionista

 Opte por uma lancheira térmica, que mantenha o lanche resfriado por tempo determinado conservando os alimentos, algumas opções de lancheira já possuem o gel inserido e você guarda a própria lancheira dobrada no freezer na noite anterior; caso não tenha esta opção vale investir em gelinhos de gel a venda em farmácias e lojas de artigos esportivos .

 Faça compras semanalmente e utilize sempre alimentos frescos;

 Elabore um cardápio;

 Quando seu filho já tiver idade elabore o cardápio e deixe-o arrumar a sua lancheira;

 Prepare o kit de lanche na véspera e armazene em local apropriado, isso facilita a rotina;

 Sanduíches podem ser preparados no dia anterior e envolvidos em papel toalha, filme ou alumínio ou ainda colocados em potes plásticos) e armazenados em geladeira;

 Inclua alimentos feitos em casa, e alimentos industrializados saudáveis com menor teor de gorduras, açúcares, sódio, corantes e conservantes;

– E não esqueça de enviar sempre uma garrafa térmica com água mineral fresca.

 

Para facilitar escolha o lanche da seguinte maneira:

# 1 porção de Carboidrato (pão, biscoito, bolo, etc), dando preferencia sempre pelo integral;

# 1 porção de fruta (fruta inteira ou picada em pedacinhos ou ainda suco de fruta natural)

# 1 porção de proteína (iogurte, queijo, peito de peru, etc)

# 1 porção de gordura – oleaginosas (castanha, amendoim, nozes);