• Compartilhe no Facebook

Adoaldo Sernajoto, de 33 anos, morador da cidade de Joaçaba/SC

Foi confirmado no inicio da noite deste sábado (01), pelo IML de União da Vitória, os nomes dos motoristas que morreram no grave acidente registrado na rodovia BR-153, na Serra do Honorato, ocorrido durante a manhã, por volta das 10h40.

O motorista da carreta tanque era Adoaldo Sernajoto, de 33 anos, morador da cidade de Joaçaba/SC.

Conforme informação era a primeira viagem dele pela empresa. Adoaldo retornava de Curitiba/PR e seguia para a casa quando sofreu o acidente.

  • Compartilhe no Facebook

Lúcio Mauro Rondin, de 42 anos, morador de União da Vitória/PR

 

Já o segundo motorista era Lúcio Mauro Rondin, de 42 anos, morador de União da Vitória/PR. Ele conduzia uma carreta carregada de bobinas de papel.

Conforme o IML, o corpo foi liberado para sepultamento por volta das 18 horas. O velório será na cidade de Porto Vitória, aonde ele tinha familiares.

O acidente

Uma carreta, com placas de Foz do Iguaçu/PR, estava parada na terceira faixa do trecho, após ter apresentado defeito no motor. O motorista e mais duas pessoas realizavam a manutenção do veículo.

Segundo informações, por volta das 10h40, um carro que subia teria diminuído a velocidade quando chegou próximo a carreta estragada, mas a carreta tanque que seguia em alta velocidade, conforme testemunhas, para não bater no carro, acabou desviando e invadindo as demais pistas, colidindo de frente com a carreta de bobina que descia sentido General Carneiro.

Com o impacto, os dois motoristas ficaram presos nas ferragens e morreram na hora. Os bombeiros tiveram muita dificuldade para retirar os corpos. O transito foi liberado parcialmente por volta das 18 horas.