O Corpo de Bombeiros de Abelardo Luz, Oeste de Santa Catarina, capturou um cobra cascavel dentro de uma residência no bairro Alvorada, no final da tarde de quarta-feira (23). O animal de cerca de um metro de comprimento foi recolhido, examinado e solto em seu habitat natural.

O verão, época de calor é a mais propícia para a ocorrência dos acidentes com animais peçonhentos, pois é quando esses animais estão em maior atividade. Assim, o Corpo de Bombeiros faz uma série de recomendações para evitar o aparecimento dessas espécies e a ocorrência de acidentes:

-Não acumular entulho, lixo doméstico, ferro velho, telhas e tijolos, mantendo limpo quintais, jardins e terrenos baldios;Ao aparar a grama, recolher as folhas caídas;

-O lixo deve sempre ser mantido fechado em sacos plásticos;

-Andar sempre calçado;

-Ao trabalhar com construção, usar luva de raspa de couro para proteção;

-Não usar inseticida contra o animal;

-Jamais introduzir a mão em frestas ou buracos no chão, como tocas de tatus e cupinzeiros;

-Olhar por onde caminha atenciosamente e em locais onde se deseja apanhar pequenos objetos ou animais;

-Fazer a limpeza de locais com vasta folhagem, usando botas, luvas e calças compridas;

-Os jardins devem ser limpos, a grama aparada e as plantas ornamentais e trepadeiras devem ser afastadas das casas e podadas para que os galhos não toquem o chão;

-Matagais e montes de folhas mais ou menos secas merecem atenção redobrada;

-Muros e calçamentos devem ser cuidados para que não apresentem frestas onde a umidade se acumule e os animais possam se esconder;

-Por telas nas janelas, vedar ralos de pia, tanque, chão e soleiras de portas com saquinhos de areia ou frisos de borracha;

-Combater a infestação de baratas e roedores;

-Não tentar diferenciar cobras venenosas das não venenosas. Somente um especialista pode verificar a diferença entre as duas;

-Não manusear animais peçonhentos vivos ou mortos;

-Evitar o amontoamento de sapatos, roupas e utensílios domésticos;

-Manter berços e camas afastados da parede;

-Evitar lençóis que toquem o chão;

-Bater colchões antes de usá-los;

-Limpar constantemente ralos de banheiros, cozinhas, caixas de gordura e esgoto, mantendo fechados quando não em uso;

-Mudar periodicamente de lugar materiais de construção sem uso, lembrando de proteger as mãos com luvas;

-Evitar queimar terrenos baldios, pois desalojam os escorpiões e outros animais;

-Roupas, calçados e toalhas devem sempre ser examinados antes de usados;

-Importantíssimo preservar os predadores naturais dos escorpiões: corujas, macacos, sapos, galinhas e gansos;

-Acidentes com animais peçonhentos não são muito frequentes, mas ao se deparar com os mesmos, mantenha a calma. (Fonte: Corpo de Bombeiros do Paraná)