A audiência pública teve duração aproximada de três horas.Foto: Edson Zuconelli.
  • Compartilhe no Facebook

A audiência pública teve duração aproximada de três horas.Foto: Edson Zuconelli.

Aconteceu na noite de terça-feira (25), uma audiência pública nas dependências da câmara de vereadores de Chopinzinho para discussão da “Regularidade Ambiental da empresa Upa Couros e a propagação de odor fétido pela empresa”.

A iniciativa foi da câmara de vereadores através da Comissão de Agropecuária, Emprego e Renda e Meio Ambiente composta pelos vereadores Jacir Salmória, José Ângelo Foppa e Claudemir Malage, depois da crescente onda de reclamações da população em função do mau cheiro que se propaga pela cidade quase todos os dias.

Participaram da audiência, representantes da empresa Upa Couros, do Instituto Ambiental do Paraná – IAP; Ministério Público; Procuradoria Municipal; Secretaria de Agricultura; Prefeito Municipal; vereadores e demais autoridades locais, além da população chopinzinhense que lotou a casa de leis.

A Upa Couros foi instalada em Chopinzinho no ano de 2004, onde foram investidos mais de R$ 25 milhões em sua estrutura. Hoje possui 120 funcionários e é a terceira empresa que mais gera tributos ao município.

Segundo o gerente geral da empresa, Leonardo Kullmann, o problema não é causado somente pela Upa Couros, onde a empresa segue normas rígidas de fiscalização dos órgãos municipais, estaduais e federais a cada 15 dias. Ressaltando que estão investindo em novas técnicas para minimizar gradativamente o mau cheiro.

Acompanhe o áudio de Leonardo Kullmann durante sua fala na audiência pública: