Uma epopeia de quase 100 dias e mais de 2,7 mil quilômetros no lombo de um cavalo, desde São Luiz Gonzaga, na região missioneira do Rio Grande do Sul, até Brasília, no planalto central brasileiro. O personagem dessa história é o zootecnista gaúcho Gilberto Utzig, o Cavaleiro da Esperança, que enfrentou essa jornada para salvar o hospital da sua cidade, que atende uma população de 100 mil pessoas e passava por sérios problemas financeiros.

A aventura alcançou grandes resultados. Mais de R$ 23 milhões em recursos financeiros e equipamentos para a unidade hospitalar, que deverá passar por ampliações para poder abrigar os novos instrumentos e oferecer mais conforto para os pacientes.

Após cruzar sete estados, o Cavaleiro da Esperança retorna à sua terra, refazendo o caminho das tropas, desde Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, até o Rio Grande do Sul. Chegando ao Sul do Paraná, passou por São Mateus do Sul, União da Vitória, General Carneiro até chegar em Palmas, na tarde de segunda-feira (06).

Durante sua estadia no município, o Cavaleiro contou a sua história e parte de suas aventuras, que podem ser acompanhadas através de um diário de bordo no Facebook e que irão virar um livro também, além de deixar uma lição de vida e de amor ao próximo. Ouça a entrevista clicando aqui