Quem procurar uma autoescola, a fim de obter a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) para poder conduzir carros e veículos comerciais leves, deverá pagar cerca de R$ 400,00 mais caro. Isto porque, passaram a vigorar as novas regra do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), que ampliam o número de aulas práticas para a categoria B. A partir deste mês, são exigidas 25 horas/aula, no mínimo. Cinco delas, obrigatoriamente deverão ser feitas no período noturno.

Quem já possui a CNH para outras categorias e pretende a adicionar a permissão para carros e veículos comerciais, deverão realizar 20 horas/aula. A nova regra só vale para quem iniciar o processo de obtenção da CNH a partir desta segunda-feira (2). Quem iniciou o processo antes disso continua nas regras anteriores–de menos horas/aula e, por isso, mais barato.

A resolução 493/2014 do Conselho Nacional de Trânsito, que prevê as novas regras para a obtenção da CNH, foi publicada em junho do ano passado, mas a aplicação das novas regras no Paraná só começará em março devido a uma decisão do Detran. Em dezembro do ano passado, o órgão publicou a portaria 635, que dava 90 dias de prazo para os centros de formação de condutores do estado se adequarem às mudanças.