Por Evandro Artuzi
O deputado Caíto Quintana, líder do PMDB na Assembleia Legislativa, destacou nesta segunda-feira (10), a força da bacia leiteira dos municípios que formam o Sudoeste do Paraná. A produção de leite na região vem crescendo em ritmo acelerado, segundo a estatística do VBP (Valor Bruto da Produção), divulgado pelo Deral (Departamento de Economia Rural).

 

“Os 42 municípios que formam o Sudoeste produzem juntos 997,9 milhões de litros de leite por ano”, destacou Caíto. Com base em reportagem de Adolfo Pegoraro, no Jornal de Beltrão, o deputado informa que o volume representa um aumento de 8,6% em relação ao ano passado.

 

“Essa projeção deixa a região Sudoeste em destaque nacional, pois o Brasil tem um crescimento anual de 1,9% e o Paraná aumenta sua produção em 4,1% a cada 365 dias”, exclamou Caíto.

 

Panorama
O coordenador de bovinocultura de leite da Emater Regional, Simão Flores, está fazendo um trabalho muito interessante com os produtores do Sudoeste. “Temos um potencial incrível em nossa região. Estamos fazendo um trabalho agora para melhorar a qualidade do leite sem deixar de aumentar a produtividade”, disse Simão.

 

Rogélio Bratti, produtor em Boa Esperança do Iguaçu, vê uma grande diferença na produtividade depois que recebeu instruções dos técnicos da Emater. “Com o nosso empenho e a ajuda de quem estuda a produção de leite, só temos a melhorar. Uma das principais mudanças na minha propriedade é que antes eu não marcava o que entrava e o que saía”, comenta o produtor, que possui dez vacas em lactação, mas pretende chegar a 30.

 

“Aos poucos, a gente está se desfazendo do fumo e migrando para o leite. Já chegamos a produzir 80 mil pés de fumo, mas hoje temos só 24 mil. A tendência é eliminar essa cultura com o tempo”, completa Rogélio.