O Corpo de Bombeiros de União da Vitória resgatou o corpo de  Amilcar de Castro,34, que morreu afogado no Rio Iratim, no município de Bituruna, sul do Paraná. O morador da comunidade de Colonia dos Agudos,  teria caído na água enquanto armava uma rede de pesca. Conforme os conhecidos, a vítima sabia nadar e relatos ao Corpo de Bombeiros  apontaram para a possibilidade de ter ocorrido um mau súbito.O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de União da Vitória.

Há poucos dias o Corpo de Bombeiros de União da Vitória foi acionado para localização de três pessoas que morreram afogadas em Cruz Machado, na mesma região Sul do Paraná. O barco onde estavam quatro pessoas bateu em um tronco e partiu ao meio. Um homem conseguiu nadar para a margem e se salvar. O outro  teria tentado salvar a namorada e a cunhada e os três acabaram desaparecendo nas águas do lago da Usina de Foz do Areia.

CUIDADOS

O Corpo de Bombeiros alerta para que as pessoas redobrem atenção ao adentrar aos meios líquidos. Em relação aos rios, o risco está relacionado à correnteza e profundidade, geralmente desconhecidas pelos banhistas.  Para evitar problemas é necessário que tanto adultos quanto crianças permaneçam em locais rasos e com visibilidade do fundo, nunca sozinhos. A utilização de bóias é objeto eficiente para evitar afogamentos. Outra preocupação é com relação a brincadeiras  às margens de rios ou dentro da água.

Além desses cuidados, nunca adentrar na água, imediatamente,após ingerir bebida alcoólica ou se alimentar . Sempre utilizar coletes salva vidas também  quando da utilização de embarcações.  Conforme os bombeiros não há limite seguro, mas sempre que a água alcançar a altura do umbigo é sinal de perigo.