Visando o contínuo estímulo ao fortalecimento do esporte em Chopinzinho, a Administração Municipal entregou na última semana a sua primeira Bolsa Atleta. O beneficiado é atleta do futsal e foi convocado pela Seleção Brasileira de Futsal para atuar no Campeonato Mundial sub-20, que acontece na Colômbia. Na competição, Felipe Verdi de Freitas vai representar não apenas Chopinzinho, mas o Paraná e o Brasil.

            A legislação para criar o incentivo é inovadora na região, sendo o Município pioneiro com a ação. A Bolsa Atleta consiste em auxílio financeiro, que ajuda nas despesas de atletas em competições fora do Município, já que os principais jogos acontecem fora do nosso eixo geográfico, gerando custos nem sempre cobertos pelas federações. São seis níveis de bolsas: municipal, regional, estadual, nacional, internacional e olímpica, sendo que cada uma possui limites e pré-requisitos. Também, há a possibilidade da Bolsa Técnico.

Para participar, os interessados devem responder ao chamamento público, com solicitação por escrito, diretamente no Departamento de Esportes. São vários os requisitos, dentre eles, menores de idade devem estar matriculados em instituição de ensino e o atleta deve ter representado o Município em Competições nos últimos dois anos ou estar matriculado em escolinhas locais. São duas comissões que analisam os pedidos, baseados no estabelecido na Lei.

“Nós sabemos que vários atletas saem de Chopinzinho e conseguem ter destaque na vida profissional. A Administração Municipal buscou uma maneira de viabilizar o incentivo para atletas locais”, afirma o Prefeito Álvaro Scolaro, complementando que sem o incentivo, como no caso desta 1ª bolsa, talvez o atleta não conseguisse estar na Colômbia nos representando. Depois da competição, o Felipe foi convidado a contar sua história, estimular outros atletas e jovens a se dedicarem à prática esportiva e participarem das escolinhas.

Felipe Verdi de Freitas tem 18 anos, e já representou o Município em competições como Bom de Bola, Jogos da Juventude, Jogos Escolares, Jogos Abertos e hoje joga pelo time Marreco sub-20. Desde os 06 anos de idade participa das escolinhas locais, quando, com muito treinamento, começou a se destacar. “A expectativa com o Mundial é grande, especialmente pelas novas experiências e para aprender. A bolsa atleta veio como uma tremenda ajuda para a minha viagem, como forma de motivação, ajudando tanto quem tá começando quanto quem está em uma competição”, diz. Para Felipe, a Bolsa vai auxiliar especialmente na viagem que deve ser feita para se apresentar à seleção.

O investimento no esporte está sendo levado a sério, em diversas frentes. O Bolsa Atleta e uma delas, e surgiu da dificuldade dos atletas em arcar com as despesas de custeio, em especial para competições. Esta é uma maneira de divulgar o nome de Chopinzinho e também de mantermos nossos atletas, que antes buscavam outras cidades. “Isto é muito importante e nos deixa mais motivados, formando mais cidadãos com respeito às regras e a disciplina. “Sabemos que estamos ajudando alguém que tem potencial. Este é um marco na história de Chopinzinho e a convocação do Felipe vai representar muito para os nossos atletas”, reitera o Chefe do Departamento de Esportes, Fernando Misturini.