O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) concordou em financiar R$ 735 milhões (US$ 235 milhões) do valor total previsto para diversas intervenções no sistema de transporte do Estado do Paraná. Os outros R$ 626 milhões (US$ 200 milhões) sairão da contrapartida do Governo Estadual.As partes aguardam agora aval da União para formalizar contrato de empréstimo.

 O plano apresentado pelo governo estadual e aprovado pelo banco internacional inclui 24 projetos rodoviários, com repavimentação de estradas existentes, restauração, expansão e pavimentação de rodovias, num total de 239 quilômetros.

Além do trecho entre Coronel Domingos Soares/Palmas (PR-912), está a  pavimentação são Irati/São Mateus (PR-364), Pitanga/Mato Rico (PR-239), a duplicação da Rodovia da Uva (PR-418), entre Curitiba e Colombo, e novos contornos em Castro, Pato Branco e Marechal Cândido Rondon.

apagar
  • Compartilhe no Facebook

Correa de Almeida comemorou a aprovação do projeto pelo BID

Ao comentar sobre a aprovação do plano, o Diretor de Infraestrutura de Coronel Domingos Soares, Mauro Correa de Almeida, disse na manhã de hoje(25) que é uma importante confirmação, pois é a sinalização concreta de que seu município receberá a aguardada e importante obra e, com isso, garantirá a sua transformação nas dimensões econômica e social.

A rodovia ligando ao município de Palmas terá um custo de R$ 73 milhões de reais e aproveitará o atual traçado da estrada de terra com algumas correções de trechos sinuosos. As pistas terão 3,5 metros de largura, mais acostamentos de 1,5 metros. Será construída uma nova ponte sobre o rio Chopim e  uma rotatória fechada na PR 449, em Palmas.

Na foto ponte do Chopim de onde inicia a ligação entre Palmas e Cel. Domingos Soares
  • Compartilhe no Facebook

Na foto ponte do Chopim de onde inicia a ligação entre Palmas e Cel. Domingos Soares

O projeto também prevê a construção de via dupla na avenida de acesso a Coronel Domingos Soares, numa extensão de 2,5 Km. O diretor-geral do DER, Nelson Leal Júnior, disse que a expectativa é que o empréstimo seja assinado ainda neste segundo semestre de 2017. Posteriormente ocorrerá o processo de licitação internacional, para então ocorrer o início das obras em 2018.

A equipe de projetos e representante da Unidade Ambiental e Social do BID esteve recentemente  em Coronel Domingos Soares para coletar informações e impactos sociais e ambientais a serem gerados com a pavimentação.