Na manhã desta terça-feira (02), o personal trainer, Magnus de Sousa, esteve nos estúdios da Onda Sul FM para mais uma participação no quadro “Mexa-se”. Na oportunidade, esclareceu dúvidas dos ouvintes, como a pergunta a seguir:

Na empresa que eu trabalho tem ginástica laboral três vezes por semana e dura apenas 15 minutos. Esse tipo de ginástica adianta alguma coisa?

O Personal explica que ginástica laboral é uma ginástica realizada geralmente nas dependências da empresa, “pode ser feito antes da jornada de trabalho, uma pausa durante o expediente ou depois”.

  • Compartilhe no Facebook

(Imagem Ilustrativa)

Segundo ele, o colaborador deve aproveitar o benefício, porque provavelmente a empresa está contratando uma pessoa para fazer essa ginástica no intuito de talvez diminuir os efeitos de Lesões por Esforços Repetitivos (LER) e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT).

Em relação a preocupação com o “tempo perdido” de trabalho, Magnus destaca que a empresa não quer perder rendimento e estudos científicos garantem que essa pequena pausa de 15 minutos, consegue de médio a longo prazo, aumentar a performance no trabalho.

“Principalmente quem trabalha com muita concentração, na mesma posição, essa pausa faz com que você consiga relaxar, voltar e produzem mais. Então pode parecer pouco tempo, mas posso te garantir o benefício” e finaliza, “se a direção da empresa entender que não é bom, pode ter certeza que não vai ter ginástica laboral na empresa”.

Confira a entrevista na íntegra: