Em assembleia na tarde desta segunda-feira (12) bancários de Francisco Beltrão decidiram aderir a greve nacional da categoria. Foram 46 votos favoráveis e 18 contrários a greve. A assembleia foi coordenada pelo presidente do Sindicato dos Bancários do Sudoeste do Estado, Valdir de Souza Oliveira.

Valdir de Souza Oliveira, presidente do Sindicato coordenou a assembleia em Francisco Beltrão. Foto: Evandro Artuzi/RBJ
  • Compartilhe no Facebook

Valdir de Souza Oliveira, presidente do Sindicato coordenou a assembleia em Francisco Beltrão. Foto: Evandro Artuzi/RBJ

Com a aprovação, a partir desta terça-feira (13) o atendimento nas agências do Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Santander e HSBC ficam comprometidas. Clientes dessas agências vão contar apenas com os serviços disponibilizados nos caixas eletrônicos.

A greve é por tempo indeterminado. Segundo o presidente do sindicato, a categoria reivindica reajuste de 9,57% acompanhando a inflação, no entanto os banqueiros ofereceram até agora um reajuste que não passa dos 7%.

No Sudoeste, além de Francisco Beltrão, a greve afeta clientes de Pato Branco onde a greve foi aprovada em assembleia na última sexta-feira (09). Foram 69 votos favoráveis contra 16 contrários e as agências já não abriram as portas nesta segunda-feira (12).

Fotos: Evandro Artuzi/RBJ