Reunião entre avicultores e técnicos da FAEP. Foto: João Eduardo Gomes.
  • Compartilhe no Facebook

Reunião entre avicultores e técnicos da FAEP. Foto: João Eduardo Gomes.

A antiga reivindicação do setor agrícola, a lei nº 13.288/2016 que estabelece regras para os chamados “contratos de integração”, publicada em 17 de maio de 2016, foi debatida em Chopinzinho.

Na manhã desta terça-feira (07), aconteceu no Sindicato Rural Patronal uma reunião envolvendo cinco associações de avicultores do sudoeste do Paraná e técnicos da FAEP – Federação da Agricultura do Estado do Paraná, onde seus técnicos esclareceram as dúvidas dos avicultores.

Chopinzinho vem se destacando na avicultura, segundo dados da Secretária de Estado da Agricultura e do Abastecimento – Seab e Departamento de Economia Rural – DERAL, o setor avícola no município ocupa o 1º lugar no PIB (Produto Interno Bruto). Hoje Chopinzinho é o primeiro em produção no município e o segundo no Sudoeste, onde seu produto é exportado para mais de 142 países.

O Contrato de integração é uma relação jurídica que vincula produtor integrado e o integrador (indústria), onde os integrados se responsabilizam por uma parte do processo produtivo ou comercial do integrador.

É o que acontece na cadeia produtiva de frango ou suínos, onde uma indústria (integrador) fornece insumos, como ração, medicamentos, assistência técnica, para que o produtor rural (integrado) promova a engorda do animal que depois será comprado, abatido e comercializado pelo integrador.