Com o objetivo de construir uma proposta de incentivo ao plantio e a utilização sustentável da Araucária está sendo realizada uma audiência pública nesta segunda-feira (07) na Assembleia Legislativa do Paraná. O evento discute a geração de renda para agricultores familiares.

A proposta deputado estadual, Rasca Rodrigues (PV), conta com a presença de especialistas como o professor Flávio Zanette, da Universidade Federal do Paraná; Ivar Wendling e Valderes de Souza, da Embrapa Florestas e Jorge Mazuchowski, da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), além de representantes dos órgãos de fiscalização e proteção ambiental.

Atualmente um pouco mais de 2% da sua cobertura original encontra-se preservada, colocando a Araucária entre as ameaçadas de extinção.Dos 7.500.000 hectares de primitivas florestas de araucária, no Paraná existem ainda 400.000 hectares, sendo que as maiores reservas se localizam em uma linha que vai de União da Vitória a Palmas, incluindo os municípios de Bituruna, Coronel Domingos Soares e General Carneiro.

Conforme o parlamentar a atual legislação tem focado muito a questão da preservação do que já tem, mas o plantio foi desestimulado. A proposta é buscar mecanismos que revertam esta situação e mostrar aos agricultores que ter araucária é um bom negócio.