Vereadora Allyne Marini (PP). Foto: Edson Zuconelli.
  • Compartilhe no Facebook

Vereadora Allyne Marini (PP). Foto: Edson Zuconelli.

Nesta quinta-feira (02), durante a realização da segunda sessão ordinária da Câmara de Chopinzinho, Allyne Marini do Partido Progressista (PP), assumiu a vaga deixada por Marcos Monteiro (PSDB).

+ Marcos Monteiro pede licença da função de vereador.

No pleito eleitoral de 2016 Allyne recebeu 486 votos pela Coligação “Avança Chopinzinho”, oposição ao atual prefeito Álvaro Scolaro (PMDB). Marini participou na quinta-feira do Jornal do Meio Dia da Rádio Difusora América, onde comentou sobre sua forma de trabalho junto a Câmara.

Segundo Marini, ter uma mulher junto ao legislativo mostra que a sociedade chopinzinhense esta mudando seu perfil, demostrando a força da mulher na discussão dos projetos para a melhoria da comunidade.

Fazer com que uma mulher assuma uma vaga na Câmara é a principal demonstração de que o perfil da sociedade esta mudando. É acreditar na mulher, no poder que a gente tem de poder discutir.

Allyne assume também a presidência da Comissão de Justiça e Redação, composta pelos vereadores Osmar Checchi – Vice-presidente e  Nereu Hengen – Membro.

Dessa forma o Legislativo chopinzinhense está composto pelos vereadores, Leônides Moser (PR), Jacir Salmória (PMDB), José Angelo Foppa (PMDB), Osmar Chechi (PMDB), Claudemir Malage (PSD), Daniel Zanesco (PMN), Nereu Hengen (SD), Rogério Pereira dos Santos (PSC) e Allyne Marini (PP).

Acompanhe a entrevista com Allyne Marini do Partido Progressista (PP):