O Departamento de Agropecuária de Boa Esperança do Iguaçu, em parceria com o Consórcio Procaxias, finalizaram a construção de 108 açudes, com o atendimento da escavadeira hidráulica adquirida pelo consórcio em parceria com os outros oito municípios que formam o Procaxias.

O diretor do departamento, Valmor Tessaro, destacou o trabalho da equipe e a atenção especial do prefeito Claudemir Freitas. Ele destacou ainda que o sorteio das propriedades a serem atendidas eram realizados na Câmara de Vereadores, ou no Departamento, sempre com a equipe e os inscritos convidados a participar.

O Departamento de Agropecuária recebeu 127 inscrições de produtores que buscavam a construção de açudes, o critério de seleção foi por sorteio público com a presença de secretários, diretores, vereadores e dos produtores rurais, com atendimento sem distinção.

Neste ano, os beneficiados com os trabalhos de construção de açudes foram Clair Rodrigues Dreves, Edson Fachini, Ademir Gabrielli, Artemio Schaedler, Gilmar de Lima Leite, Jocilei de Oliveira, Osmair Severino Rodrigues, Germano Block, Eder Jean Andreis, Ademir Scaranello, Claudinei de Souza Vargas, Anibal Beletini, Janir Alvin Izidoro, Laudemir Magnagnagno, Valdir Marca, Antonio Gambetta Braga, Nilto Ricardo, Dilvo Blau, Gilmar Becchi, José Becchi, Antonio Bianchini, João Carlos Monteiro de Souza, Alercio Vilki dos Santos, Orlando Henrique Tessaro, Fernando Totti, Jandir Marca e Nolcimar Luiz Dossa.

Esses produtores receberam 04 horas de trabalho da máquina com custo de 25,00 vinte e cinco reais a hora trabalhada com subsídio pago pelo Município. Receberam atendimento produtores proprietários de terras ou que possuíam contrato de arrendamento ou parcerias agrícolas a longo prazo.

O objetivo é a produção de peixe para o consumo das famílias desses produtores, para o comércio interno no município e o fornecimento no futuro para a Cooperativa de Produtores Cooperçu do Procaxias com Sede e Frigorífico Abatedouro no município de Nova Prata do Iguaçu, administrado atualmente por empresa terceiriza de Toledo. Vale lembrar ainda da importância não só da abertura dos 108 açudes, mas da colocação dos alevinos e da manutenção a ser feita pelos proprietários inclusive com a colocação de grama e vegetação adequadas nas margens dos açudes abertos.