Marcelo de Oliveira dos Santos, acusado pelo estupro. Foto: Valdenir Lima
  • Compartilhe no Facebook

Marcelo de Oliveira dos Santos, acusado pelo estupro. Foto: Valdenir Lima

A Polícia Civil de Coronel Vivida, no sudoeste, prendeu na manhã de ontem (27), um rapaz de 18 anos acusado pelo crime de estupro onde foi vítima uma menina de apenas 12 anos. O fato ocorreu por volta das 10 horas da manhã e, logo em seguida, a família da vítima acionou a polícia.

A menina foi agarrada e levada para um matagal, onde o jovem cometeu o abuso sexual. Com menos de duas horas de buscas, investigadores da Delegacia de Coronel Vivida conseguiram chegar ao acusado, que inicialmente negou o crime, mas logo após a demonstração de provas por parte da polícia acabou por confessar que realente havia cometido o estupro da menor. O jovem, identificado como Marcelo de Oliveira dos Santos, disse à polícia que pensou em estrangular a vítima para não ser denunciado, mas acabou mudando de ideia.

Conforme o delegado de Coronel Vivida, Rômulo Contrin Ventrella, o acusado é de alta periculosidade. Ele residia em Florianópolis (SC) onde tem uma extensa ficha criminal, inclusive tinha acabado de deixar um educandário onde estava internado.

Depois de prestar depoimento e ser autuado em flagrante, foi transferido a carceragem temporária da Delegacia de Polícia de Pato Branco, onde permanece a disposição da justiça. Já a menor que foi vítima está recebendo atenção para se recuperar da agressão física e também dos problemas psicológicos.