Patrícia Boeter, de 36 anos, foi autuada em flagrante por apropriação indébita, pela Polícia Civil de Dois Vizinhos. Ela é acusada de aplicar o golpe do “Condi”, em duas lojas de roupas na cidade.

A acusada se apropriava de roupas e repassava endereço e número de telefone falsos, assim não era localizada pelas vítimas. A estelionatária começou passou a ser investigada a partir do registro de um boletim de ocorrência, no dia 10 março, pela funcionária de uma loja onde Patrícia se apropriou de 30 peças de roupa, um valor de quase R$ 4 mil.

Com os dados da vítima, foi possível encontrar Patrícia e recuperar todas as peças de roupas levadas. Também foram recuperadas roupas levadas de outra loja, já usadas pela acusada.

Conforme a polícia, Patrícia Boerer já responde por estelionato e apropriação indébita. Em 2013 aplicou o mesmo golpe em Francisco Beltrão por três vezes. Se condenada, pode pegar até quatro anos de prisão.