O Desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, Presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, esteve nesta quinta-feira (05) em Francisco Beltrão quando autorizou a licitação para a construção do novo Fórum. Será o primeiro prédio do Centro Cívico. Os investimentos devem chegar a R$ 40 milhões. “Sabemos que esse pleito já dura mais de uma década e desde o início do meu mandato no TJ venho trabalhando para que o projeto se torne realidade. Agora vamos conseguir cumprir o compromisso”, disse o desembargador. Também confirmou que o terreno onde está o prédio atual será devolvido ao município.

O prefeito Cleber Fontana discorreu sobre a importância do novo espaço físico. “Esse é um pleito histórico do Judiciário e das lideranças de Francisco Beltrão. Agora temos certeza que o novo Fórum será construído”, comentou o prefeito. Também falaram durante o ato de assinatura os deputados Ademar Traiano (presidente da Assembléia Legislativa) e Wilmar Reichembach, o presidente da OAB do Paraná, Cássio Telles, e a Juíza  Carina Dággios, diretora do Fórum. O projeto foi apresentado pelo engenheiro Alexandre Arns Steiner, diretor do Departamento de Engenharia e Arquitetura do TJ.

O prédio será construído em terreno de 8.000 m2 que foi doado pelo município. Terá 5 pavimentos, com área construída da 11.395 m2.A empresa vencedora da licitação terá prazo de 18 meses para edificar a obra. O vice-prefeito Antonio Pedron, representantes do Legislativo, Juízes, promotores e dirigentes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) prestigiaram. Foram tomadas todas as medidas de prevenção em relação ao coronavírus.

A nossa reportagem acompanhou o ato de assinatura e conversou com algumas autoridades presentes. Acompanhe:

Assessoria